Diretoria do Cachoeira/Granol libera os atletas Caio Chuva e Pedaleira

A sequência de resultados negativos dentro do Gauchão da Série Ouro foram suficientes para que a diretoria do Cachoeira/Granol liberasse dois, de seus principais atletas: o pivô Caio Chuva e o ala Pedaleira.
Segundo informações, a diretoria alegou que houve um acordo com o ala Pedaleira, para que ele saísse do grupo. Porém, o próprio atleta afirmou ter sido pego de surpresa. Já Caio Chuva, com fama de goleador no futsal nordestino, não se adaptou no Rio Grande do Sul e também foi dispensado.
Pedaleira esteve em Cachoeira do Sul na última temporada, no entanto, por motivos particulares não seguiu com o grupo e acertou sua transferência junto ao Napoli, da Itália. Caio Chuva chegou como esperança de gols no esquema tático do técnico Flavinho Cavalcante, mas nas três partidas não marcou nenhuma vez, além de ter atuações abaixo do esperado.

Os dois lados:

Caio Chuva:Acordei hoje pela manhã, e recebi a notícia  que me pegou de surpresa e meus companheiros também. Nosso grupo não venceu as três partidas e escolheram eu e o Pedaleira. Mas a minha consciência está tranquila quanto ao meu trabalho. Me dediquei e quem estava lado a lado comigo viu que teve algo estranho nisso tudo“, revelou.

Diretoria:
 
Marcio Vieira da Cunha (Presidente): “O Caio Chuva não se adaptou ao futsal gaúcho. Então, entramos em um acordo como atleta para dispensá-lo. Já o Pedal recebeu proposta de outros clubes e não estava se sentindo bem no clube. Então, entramos em um acordo mútuo e dispensamos“, explicou.

*Procurado pelo Futsal em Pauta, o ala Pedaleira ainda não se manifestou.

Fotos: Divulgação 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *